domingo, 3 de agosto de 2014

Vamobora:Especial Férias de inverno

O inverno é, sem dúvidas, a época mais charmosa e aconchegante do ano. Aproveite as baixas temperaturas para fugir da correria das grandes cidades e curtir o friozinho de modo bastante especial em diversas cidades do Brasil e do mundo .Fique com a ultima dica de viagem do Vambora :Férias de inverno .



 11-Campos do Jordão-SP
                                    A Suíça brasileira 

Passear pelo centrinho do Capivari, curtir o Festival de Inverno, comer fondue, se aquecer ao lado de uma lareira e disputar uma das mesas do Baden Baden continuam sendo programas imbatíveis. Mas o principal destino paulista de inverno é mais que isso. A variedade de atividades ao ar livre mostra a face aventureira de Campos – que inclui desde passeios contemplativos pelas trilhas do Horto Florestal até a escalada da Pedra do Baú, um dos símbolos da Serra da Mantiqueira. Enquanto a temperatura cai, os preços sobem, liderados pelas diárias de hotéis. No entanto, visitar Campos na baixa também é boa opção: a tranquilidade reina, as tarifas baixam e, mesmo no verão, dá para curtir um friozinho (aqui fica o núcleo urbano mais alto do país, a 1 628 m).
COMO CHEGAR
De São Paulo, pegue o sistema Ayrton Senna-Carvalho Pinto (SP- 070) e siga pela Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123). Quem sai do Rio de Janeiro pega a mesma estrada a partir da Via Dutra (BR-116). A SP-123 é bem-conservada e tem bela vista para um vale (um mirante no km 44, sentidoTaubaté, rende boas fotos). Durante o inverno, redobre o cuidado com o tráfego intenso e da neblina. A empresa Pássaro Marrom (0800-285-3047) faz o trajeto de três horas de ônibus entre São Paulo e Campos diariamente (saídas às 6h, 9h, 12h, 15h, 17h e 19h30), partindo do Terminal Rodoviário Tietê.
COMO CIRCULAR
Ao cruzar o portal de entrada, você está na Avenida Doutor Januário Miraglia, que corre paralela à linha de trem e à Avenida Frei Orestes Girardi – com tráfego no sentido contrário. Preste atenção nos radares de velocidade e nas faixas de pedestre (não há semáforos). No trecho que corta o bairro de Abernéssia, há boa oferta de comércio e serviços. Do portal até o centro turístico, o Capivari, são 6 km. Lá, a melhor maneira de circular é a pé: as vagas são escassas na alta temporada e, assim como em algumas ruas de Abernéssia, há cobrança de Zona Azul. A opção é usar os estacionamentos particulares.
SUGESTÕE S DE ROTEIROS
2 dias – Comece pelo centrinho do Capivari. Na vila, que é a alma da cidade, aprecie a arquitetura alpina, as lojas de malhas e chocolates, o vaivém de casacos, cachecóis e carrões. Prove um delicioso corte argentino no estrelado Libertango e termine o passeio numa das mesinhas do Baden Baden
Agito noturno em frente a Cervejaria Baden Baden, na Vila Capivari
Agito noturno em frente a Cervejaria Baden Baden, na Vila Capivari.
É em torno da famosa cervejaria Baden Baden que acontece todo o agito da Vila Capivari
O segundo dia pode começar  com uma visita ao acervo de arte do Palácio da Boa Vista. Almoce no estrelado alemão Harry Pisek antes de seguir o caminho para o Horto Florestal.
Acima Palácio da Boa Vista. 
4 dias – Aproveite os passeios ao ar livre. O Centro de Lazer Tarundu, um parque com cavalgadas, patinação, tirolesa, arvorismo e restaurante é ideal para famílias e rende um dia inteiro. As atividades do Aventuras no Rancho e do Bosque do Silêncio também são boas opções.  Para diversificar o roteiro, visite a Casa da Xilogravura e conheça mais sobre essa técnica. No jantar, prove uma fondue nos restaurantes Ludwig e Toribinha.
Bosque do silêncio e Ducha de Prata.
6 dias – Para quem gosta de aventura, dá para incluir no roteiro um Passeio de Quadriciclo ou de Jipe pelas estradas da região, além da pequena trilha até a Pedra do Bauzinho. Os mais radicais podem fazer a escalada da Pedra do Baú, símbolo da região. Almoçar no estrelado Mina, aproveitando a vista para as montanhas, e jantar nos também premiados Arte da Pizza e Araucária (ambos dentro do Grande Hotel) fecham a estada com chave de ouro.
Formação rochosa que integra o Complexo Pedra do Baú
Formação rochosa que integra o Complexo Pedra do Baú.

Parque Amantikir com jardins temáticos


Parque Amantikir com jardins temáticos.
   Museu a céu aberto(  Museu Felícia Leirner )
Outra sugestão é conhecer Horto Florestal   e  Borboletário Flores que Voam,abaixo as duas primeiras fotos são do Borboletário Flores que Voam...
e a seguir fotos do Horto Florestal.




QUANDO IR

Entre Corpus Christi e o fim de julho (quando ocorre o Festival de Inverno) a cidade vive seu apogeu. Auditório Cláudio Santoro é a casa principal do Festival Internacional de Inverno, em julho.Os hotéis lotam e filiais de lojas de marca, shoppings de luxo e casas noturnas paulistanas desembarcam aqui.
Auditório Cláudio Santoro, em Campos do Jordão, São Paulo

 Veja mais imagens:





Nenhum comentário:

Postar um comentário