sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Os 9 buracos naturais mais fascinantes do planeta

1 – Dean’s Blue Hole, Bahamas

Talvez não seja uma boa ideia mergulhar nesse local que, apesar de lindo, pode ser muito perigoso. Por que tanto perigo? Pela profundidade. Estamos falando do buraco natural mais fundo do mundo, com 202 metros de profundidade – mais ou menos a altura de um prédio de 67 andares. O buraco fica na baía de Clarence Town.

2 – Lago Vermelho, Croácia

Localizado próximo à cidade de Imotski, na Croácia, o Lago Vermelho é conhecido por suas imensas cavernas e penhascos. Só para você ter ideia, do lago até o topo da caverna que o cerca são 241 metros. O volume do buraco é de aproximadamente 30 milhões de metros cúbicos, característica que justifica o fato de esse ser o terceiro maior sumidouro do mundo.

3 – Morning Glory Pool, Wyoming, EUA

Essa belíssima piscina termal (foto de capa) fica no parque Yellowstone, e indo até lá você pode ver a beleza dessas águas bem de perto. A profundidade é de quatro metros, e a cor diferente do lago se dá devido à presença de uma bactéria que vive nessas águas.

4 – Balaa, Líbano

Esse sumidouro no Norte do Líbano fica ao fundo de uma caverna de 250 metros. Como se o local não fosse lindo o suficiente, há uma cachoeira de presente, criando o visual incrível que você pode ver na foto acima.

5 – Bimmah, Omã

O país árabe tem um belíssimo sumidouro, que conta com um túnel subaquático responsável pela conexão das águas do buraco com as do mar. É permitido mergulhar nesse buraco, mas, como sempre, toda a atenção é pouca. O local fica a 6 Km de Dibab.

6 – The Great Blue Hole, Belize

O imenso sumidouro submarino fica localizado a 70 km da Cidade de Belize. O buraco tem 124 metros de profundidade, 300 de diâmetro e é considerado patrimônio mundial pela UNESCO.

7 – Buraco de Kimberley, África do Sul

É difícil de acreditar, mas esse buraco foi construído por homens, e não pela natureza, como todos os outros. Kimberley é conhecida como a capital mundial da indústria de diamantes – é por causa de escavações à procura das pedrinhas de carbono que o “Big Hole” – ou “Buraco Grande”, em uma tradução livre – foi cavado e atingiu a impressionante marca de 1,1 Km de profundidade.
Foram retirados 28 milhões de toneladas de poeira do local escavado, resultando em uma produção de 14,5 milhões de quilates de diamantes. Isso tudo resultou no que é considerado hoje o maior buraco feito por humanos em todo o mundo. Aqui foi encontrado o diamante Estrela da África, de 83,5 quilates.

8 – Zacatón, México

As águas termais de Zacatón formam o sumidouro mais fundo de todo o planeta, com 339 metros de profundidade.

9 – Ik Kil, México

O buraco natural fica localizado em Tinúm, Yucatán, no México e faz parte do Parque Arqueológico Ik Kil, onde o visitante conta com passeios turísticos de ônibus e até opções de mergulho. Para chegar às águas, você vai precisar descer um paredão de 26 metros – mas não se preocupe, o local é equipado com uma escada.
O buraco conta com pequenas cachoeiras formadas pelas folhas que descem até as águas. Além disso, há diversos bagres negros que vão nadas ao seu lado no sumidouro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário