sexta-feira, 5 de julho de 2013

VAMBORA DE HJ

  Vambora -Rj

A sugestão é começar o dia como os cariocas e dar uma saudável volta pela Lagoa Rodrigo de Freitas. Quando cansar, é só parar pra beber uma água de coco. Os tradicionais pedalinhos convidam para um passeio de puro romantismo e custa R$ 20, por meia hora.
Quando se começa a deslizar sobre a água é possível ver a paisagem de uma perspectiva diferente. O espelho d’água formado é o coração da zona sul do Rio de Janeiro.
Da lagoa, o turista tem ter acesso a bairros como Humaitá, Jardim Botânico, Leblon, Ipanema e Copacabana, a praia mais freqüentada por moradores e turistas.
No calçadão, quiosques vendem ingressos para o trem que leva ao Corcovado, com dia e horas marcados, no valor de R$ 46. Idosos acima de 60 anos e crianças de seis a 12 anos pagam meia. A compra também pode ser feita pela internet.

A estrada de ferro corta a maior floresta urbana do país e chega a uma das sete maravilhas do mundo moderno: o Cristo Redentor. Para ir ao Pão de Açúcar basta entrar na fila da bilheteria. Os bondinhos saem em intervalos de, no máximo, 20 minutos e custam R$ 53. Idosos e menores de 18 anos pagam meia.



Também há opções de programa com custo zero e benefício garantido. Conhecer a história da cidade e visitar exposições com obras de grandes mestres é uma delas. O roteiro começa na Praça XV, com uma visita ao edifício colonial Paço Imperial. Em frente, está o Centro Cultural dos Correios, na mesma calçada a Casa França Brasil e, do outro lado da rua, o Centro Cultural Banco do Brasil.
No Porto do Rio de Janeiro, a atração é o novo Museu de Arte do Rio (MAR). O passeio com guias pelo centro histórico é gratuito aos sábados, domingos e às terças-feiras nos seguintes horários: 10h30, 12h30, 14h30 e 15h30.


O ponto de encontro para as visitas a pé pela vizinhança é o Jardim Suspenso do Valongo, criado em 1906. No inicio do século passado, era um dos locais escolhidos pelos cavalheiros e damas elegantes da sociedade carioca para um passeio no fim da tarde. A restauração, concluída há cerca de um ano, recuperou a beleza do lugar. O roteiro segue pelas ruínas do cais e suas camadas de três séculos.
Quando anoitece, a dica é seguir para o bairro onde o Rio de Janeiro nasceu: a Urca.

Leia mais em :
http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2013/06/de-folga-mostra-os-passeios-preferidos-dos-cariocas-no-rj.html

VOCÊ PODE GOSTAR TBM :Vambora de hj
clique no link e veja o vambora especial cidades do Japão

Nenhum comentário:

Postar um comentário